Reunião da Frentas abords temas de interlocução com o Legislativo

Nesta quarta-feira (7), os representantes das entidades que integram a Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público (Frentas), realizaram reunião, na sede da Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR), em Brasília.

Na abertura, o coordenador da Frentas e presidente da ANPR, Ubirtan Cazetta, colocou em pauta as atuais tratativas junto ao parlamento acerca de proposituras em tramitação no Congresso Nacional, que prestigiam as carreiras e as instituições que compõem o sistema de Justiça. São projetos que versam sobre organização, funcionamento e de natureza remuneratória. Um dos destaques é a PEC 63. Paralelamente, reforçou a importância desse diálogo constante entre o associativismo e deputados e senadores.

Além do coordenador da Frentas, participaram da reunião híbrida: José Antonio Colussi, presidente da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra); Lydiane Machado e Silva, vice-presidente da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho (ANPT), Manoel Murrieta, presidente da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp); Trajano Melo, presidente da Associação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (AMPDFT) e outros.